NOTÍCIAS

Ferramentas tecnológicas impulsionam avanço brasileiro na produção de frutas

INOVAÇÃO

Fruit Attraction São Paulo destaca a importância da utilização de novas ferramentas no país, conhecido, historicamente, por ser referência na colheita

Com o auxílio da tecnologia o Brasil tem batido recordes de produção de frutas. O diferencial competitivo nacional e a utilização de novas ferramentas serão destaques na primeira edição da Fruit Attraction São Paulo no país, entre os dias 16 a 18 de abril, no São Paulo Expo.

Segundo dados da Associação Brasileira de Produtores e Exportadores de Frutas e Derivados (Abrafrutas), o Brasil aumentou de 40,6 milhões de toneladas em 2020 para 41,36 milhões em 2022. Os bons números continuaram em 2023, quando o faturamento com exportação atingiu a marca recorde de 1,23 bilhão de dólares, um aumento de 26,7% na comparação com o ano anterior.

“A feira vai mostrar o Brasil para o mundo. O país tem um potencial muito grande na produção de frutas. Diferentemente de qualquer outro lugar do mundo, as frutas aqui são produzidas o ano inteiro. Podemos colocar nosso produto em janelas onde o mundo não tem. É um evento que vem para ficar, tenho certeza que será o primeiro de muitos outros”, afirma Guilherme Coelho, presidente da Abrafrutas.

O presidente da entidade lembra que o Brasil sempre participou de eventos ao redor do planeta, mas quando todo o setor está aqui é diferente. “Será possível apresentar de perto nossos produtos, realizar demonstrações técnicas. Por isso, o evento torna-se extremamente importante para a cultura nacional promover sua exportação. É um evento rico em todos os setores, com representantes de logística, embalagens, certificações, entre outros”.

Guilherme Coelho explica que os pequenos e médios produtores já utilizam a tecnologia na produção de frutas, impulsionando a eficiência e minimizando os impactos ambientais. Sensores, para monitorar as condições ambientais e o estado das plantas, drones, com imagens de alta resolução de grandes extensões de terra, e inteligência artificial, processando grandes volumes de dados e identificando padrões e tendências, são as principais ferramentas.

“Todos esses avanços, aliados às boas práticas de ESG que, cada vez mais, buscamos, são grandes impulsionadores dos negócios. A mensagem que as novas ferramentas trazem é de que, se os produtores se juntarem com cooperativas e associações, vão ter oportunidades de chegar em todos os mercados. O evento terá relevantes importadores em busca de novos negócios e os governos estaduais também estão colaborando para que mais produtores locais estejam presentes”, completa o presidente da Abrafrutas.

Molécula revolucionária

Com um investimento de R$ 950 milhões de euros anual em pesquisa e desenvolvimento, a BASF é uma das empresas que contribui para a boa aplicação de novas tecnologias nos cultivos de hortifruti. A companhia estará presente na feira, para apresentar suas soluções, como o Duravel®, fungicida biológico, com zero resíduo e que contribui para o manejo de fungos resistentes, além de apoiar a produtividade, qualidade e rentabilidade da cultura.

“As soluções em sementes e proteção de cultivos estão sendo cada vez mais eficientes. O surgimento de novas tecnologias é importante para a sanidade das lavouras, que enfrentam doenças, pragas, e até mesmo as intempéries climáticas. Por isso, é muito importante que o horticultor fique atento ao lançamento de inovações, que podem contribuir com o manejo para mais produtividade com sustentabilidade”, diz Rodrigo Pifano, gerente de Marketing Cultivos Hortifruti da BASF.

Em 2024, a empresa pretende lançar produtos feitos à base do princípio ativo Revysol, uma molécula revolucionária para o controle de doenças, levando alternativas cada vez mais eficientes para os agricultores. O ingrediente desenvolvido pela BASF permite que o produto possua uma maior seletividade e flexibilidade para o controle de doenças, agindo em diversos pontos dos fungos. O ativo vai gerar uma família e fungicidas inovadores para diversas culturas.

“Uma produção mais eficiente resulta no uso mais racional dos recursos, tanto em relação aos insumos de proteção de cultivos, como os defensivos agrícolas, quanto em relação aos recursos naturais, como a água, essenciais para o manejo das culturas. Aliada às boas práticas agrícolas, a correta utilização dos produtos pelos agricultores promove maior eficácia no controle de pragas e doenças, reduzindo a necessidade de novas aplicações”, aponta Pifano.

O especialista acredita que atualmente, já há uma boa conscientização por parte dos produtores quanto a importância do uso adequado dos produtos e da implementação de boas práticas ambientais nas culturas. “No entanto, sempre há espaço para melhorias. Por isso, em caso de dúvidas, é fundamental que o horticultor consulte um engenheiro agrônomo e esteja atento aos detalhes relacionados aos produtos, à lavoura e ao manejo, pois cada aspecto pode fazer diferença significativa”, finaliza o gerente.

Serviço:

Fruit Attraction São Paulo
Data: 16 a 18 de abril de 2024
Horário: das 10h às 18h
Local: São Paulo Expo Exhibition & Convention Center
Endereço: Rodovia dos Imigrantes, 1,5 km – Vila Água Funda, São Paulo – SP
Transporte gratuito com início 1 hora antes até 1 hora depois do funcionamento da feira. 
Mais informações neste link.

Fonte: Assessoria de Comunicação
Foto: Unsplash